Da academia para as ruas: a prática de exercícios em escadarias


Escadas têm atraído cada vez mais interessados em prática de atividade física que ocorre fora das academias. Sabrina Sato é um exemplo de adepta ao exercício

escada

Quem leva a prática de exercícios físicos a sério sabe que os resultados costumam ser recompensadores. Há quem encare a atividade como um sacrifício, mas o lado bom é que surgem cada vez mais alternativas para todos os gostos. CrossFit, Zumba Fitness e Muay Thai são algumas opções, além da clássica musculação.

Atualmente, podemos ver que as atividades físicas saíram do espaço da academia e começaram a invadir as ruas, praias e até prédios. Subir escadas é algo que muitos realizam diariamente em casa, o que acaba trazendo benefícios ao corpo. Afinal, quando desejamos abandonar o sedentarismo, uma das primeiras recomendações recebidas é “troque o elevador pelas escadas”, segundo o preparador físico Hermes Silvestre.

Além dos prédios, a prática virou febre nas ruas. Os escadões das grandes cidades do mundo viraram ponto de encontro de atletas urbanos que estão treinando uma nova modalidade esportiva: subir escadas. A tendência, no Brasil, tem a apresentadora Sabrina Sato como musa inspiradora.

Este é um tipo de exercício que trabalha, principalmente, os músculos das pernas e glúteos, sendo uma atividade que exige grande esforço. Trinta minutos equivalem a uma hora de musculação, afirmam profissionais. Os treinos podem ser feitos em locais diferentes, variando intensidade e extensão.

No processo de queima de calorias, a gordura armazenada dentro das células do tecido adiposo começa a desaparecer, por isso que subir escadas é excelente para combater a celulite, o pesadelo que ataca a grande maioria das mulheres.

Se o seu objetivo é queimar gorduras nas pernas e na zona abdominal, não hesite em subir escadas da próxima vez que chegar ao seu local de trabalho. Se parece difícil cumprir essa rotina de segunda à sexta, aproveite para se exercitar aos fins de semana. Tente subir o mais rápido possível, lembre-se de manter a postura ereta e use roupa adequada para exercícios.

Além de auxiliar na redução de peso, traz efeitos positivos na saúde a curto, médio e longo prazos. Ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim no sangue e a probabilidade de adquirir enfermidades crônicas, como problemas cardiovasculares, diabetes e até mesmo alguns tipos de câncer, proporcionando energia e vitalidade.

 Contraindicação

Esse tipo de exercício físico é contraindicado para as pessoas que sentem dores nas articulações, que podem se agravar. Quem tem problema cardíaco ou respiratório também deve evitar a prática, ou, caso opte por fazê-la, o ideal é consultar um médico ou um educador físico antes de dar início à atividade.




Comente

Comentar usando

ou escolha um nome